O Endocare Hyaluboost Age Barrier Serum não é um mero sérum hidratante com ácido hialurónico. Este produto contém uma série de outros ativos de eficácia comprovada na prevenção dos sinais do envelhecimento e regeneração da função de barreira da pele. A Cantabria Labs enviou-me esta embalagem, e decidi testá-lo entre séruns com retinol.

O que é?

Um sérum hidratante, antioxidante e preventivo do desenvolvimento de sinais do envelhecimento

Preço

€26-40 por 30 mL

Ingredientes

Aqua, niacinamide, glycerin, butylene glycol, bis-PEG-12 dimethicone, propanediol, methylsilanol hydroxyproline aspartate, panthenol, sodium phytate, sodium hyaluronate, deschampsia antarctica leaf extract, arginine, gluconolactone, calcium gluconate, zea mays starch, xanthan gum, ethylhexyglycerin, sodium benzoate, parfum

Opinião sobre o Endocare Hyaluboost Age Barrier Serum

4 estrelas
Endocare Hyaluboost Age Barrier Serum

Confesso que decidi testar este sérum porque me chamou a atenção o facto de aludir ao ácido hialurónico no nome, com o objetivo de prevenir e reduzir a aparência dos sinais do envelhecimento, sem que, na verdade, esse seja o ingrediente principal da formulação. Sei que esta minha implicação parece uma trivialidade. Mas o facto de muitas pessoas depositarem expectativas demasiado elevadas neste ingrediente, que se limitará a hidratar a pele, pode gerar frustração a quem procura produtos com resultados mais diferenciados e duradouros.

Apesar da sua aparência gelatinosa, o Endocare Hyaluboost Age Barrier Serum é muito líquido, leve e de rápida absorção. A formulação contém vários humectantes, que retêm a água do produto na epiderme por mais tempo, e, simultaneamente, camuflam a aparência das pequenas rugas e linhas de desidratação. No que aos ingredientes diz respeito, a eficácia do Endocare Hyaluboost dever-se-á, primeiramente, à elevada concentração de niacinamida. Este ingrediente contribui para o equilíbrio da barreira cutânea, prevenção do desenvolvimento de rugas e redução de manchas. O Endocare Hyaluboost contém também methylsilanol hydroxyproline aspartate, também conhecido por silício orgânico, que, por fazer parte da formação do colagénio, tem sido associado a um aumento da produção desta fibra pela pele. Adicionalmente, o extrato aquoso de Deschampsia antarctica (patente Edafence) também se encontra nesta formulação, com o objetivo de reduzir os efeitos nocivos da exposição à luz azul e poluentes sobre as células da pele, minimizando o dano celular e a produção de melanina. No seu conjunto, estes ingredientes permitirão manter e recuperar a função de barreira da pele, neutralizando parte das agressões que esta sofre ao longo do dia, e contribuem para a formação de sinais do envelhecimento.

Não tendo visto resultados marcantes, até porque a minha pele tem poucas rugas, manchas, e outros sinais do envelhecimento marcado, gostei do conforto da utilização e hidratação concedidas por este sérum. Acho-o particularmente indicado para quem tenha uma pele sensível ao retinol e retinóides, vitamina C, ácidos esfoliantes e outros ativos preventivos dos sinais do envelhecimento que possam sensibilizar a pele, e que se encontram frequentemente em produtos com esta finalidade.


Publicado

em

, , , ,

por

Etiquetas:

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *