Transpiração excessiva (Hiperhidrose)| Causas, dicas e produtos

Transpiração excessiva (Hiperhidrose)| Causas, dicas e produtos
A transpiração é essencial para a manutenção da temperatura corporal, e por isso temos glândulas sudoríparas espalhadas por todo o nosso corpo. Contudo, há situações em que transpiramos mais do que seria necessário para esta finalidade; e nesses casos a sudorese pode tornar-se muito incómoda.

Nesta publicação abordarei as causas, medidas preventivas, e produtos interessantes que poderão adotar em caso de hiperhidrose. Contudo, não devemos desvalorizar outros sintomas que possam estar associados; nem tão pouco desprezar o tratamento médico em situações extremas.


Causas

Temos dois tipos de glândulas sudoríparas: écrinas e apócrinas.
As glândulas écrinas estão espalhadas um pouco por todo o corpo, e produzem um suor mais líquido, transparente e inodoro. Respondem sobretudo ao aumento de temperatura, exercício e stress emocional.
Já as glândulas apócrinas localizam-se nas axilas, seios, sobre os lábios, nas virilhas e no períneo. O suor produzido nestas zonas é mais viscoso, e a sua constituição leva a que a flora microbiana da pele o metabolize; produzindo substâncias de odor desagradável. Estas glândulas são também mais suscetíveis a estímulos emocionais.
Assim, a hiperhidrose pode ocorrer pelos seguintes motivos:
  • Predisposição genética;
  • Doença (Parkinson, hipertiroidismo, diabetes mellitus, entre outras);
  • Toma de medicamentos específicos;
  • Tabagismo;
  • Stress.
Prevenir
É difícil prevenir a transpiração propriamente dita, mas podemos adotar alguns hábitos que minimizam o impacto da hiperhidrose no dia-a-dia:
  • Realizar uma higiene adequada às necessidades;
  • Vestir-se por camadas, adaptando a quantidade de roupa à temperatura exterior sempre que necessário;
  • Evitar roupas apertadas e tecidos que não permtem o arejamento da pele (lycra, nylon, etc.);
  • Depilar as axilas e virilhas com frequência, reduzindo a acumulação de suor nessas zonas;
  • Usar meias sempre que possível, optando pelas mini-meias da cor da pele nos dias quentes;
  • Nos dias mais quentes ou intensos, pode ser interessante levar toalhitas e desodorizante (ou toalhitas desodorizantes) na mala (sugestão abaixo).
Produtos recomendados
Atualmente existem produtos que podem ser usados na redução do desconforto da hiperhidrose. Neste âmbito, é importante relembrar que os sais de alumínio são muito seguros, e nunca mostraram apresentar qualquer risco para a saúde humana (caso contrário não seriam permitidos):
  • Higiene
SVR Spirial gel de duche

Este produto foi formulado especificamente para minimizar o odor corporal (não a transpiração), e pode ser usado de forma localizada ou em todo o corpo. A sua formulação possui uma base lavante suave, e um ingrediente ativo que terá como objetivo reequilibrar a flora microbiana corporal.

Garnier Ultra Suave Limão gel de duche

Não sendo especialmente indicado para esta questão, a fragrância cítrica deste produto poderá ajudar a neutralizar os odores de forma mais eficaz.

Nivea gel de banho Clay Fresh Ginger&Basil
Não só esta fragrância é fresca, como também o produto contém uma concentração interessante de argila; e que pode ajudar a absorver alguns odores, células mortas e secreções.
  • Axilas
Anti-transpirantes intensivos
Estes produtos são especialmente indicados para a hiperhidrose. Numa primeira fase, devem ser usados todos os dias, passando a ser aplicados apenas algumas vezes por semana (dependendo da formulação e tolerâcia pessoal). De seguida, podem ser alternados com anti-transpirantes para uso diário ou desodorizantes (que neutralizam o odor mas não possuem ação anti-transpirante).

Svr Spirial extrême
 
Contém 20% de cloreto e sesquicloridrato de alumínio, 38% de ativos antimicrobianos e 4% de niacinamida; para reforçar a barreira cutânea e melhorar a sua tolerância.
 
Sesderma Dryses solução

Com 20% de cloreto de alumínio, sendo indicado para todo o corpo e inclusivamente para o rosto. Neste caso, teria cuidado numa pele sensível, e recomendaria aplicar primeiro na mão e de seguida no rosto.

 
Driclor roll-on

É um dos produtos mais eficazes e famosos para esta questão, contendo também uma concentração elevada de cloreto de alumínio. Há algum risco de manchar a roupa, pelo que pode ser aplicado à noite; lavando a pele pela manhã. É indicado para axilas, pés e mãos.

 
Anti-transpirantes para uso diário

Embora não sejam os mais eficazes para a hiperhidrose, também podem ser usados como adjuvantes. Contêm igualmente ingredientes antitranspirantes, mas as concentrações mais reduzidas permitem que sejam usados diariamente.
Roc KEOPS
Não tem álcool nem perfume, o que o torna especialmente interessante para quem é sensível a estes ingredientes. É um best-seller, e está muitas vezes disponível em packs promocionais.
Nivea Men Dry Impact
 
Possui uma boa ação anti-transpirante a um preço acessível. Embora a fragrância seja masculina, não me parece “aberrante” para mulher.
Barral STOP 24
Outro best-seller, perfumado; podendo ser usado nas axilas, pés e mãos.
  • Couro cabeludo
Muitas vezes, a hiperhidrose também afeta esta zona. Não existem produtos com esta função específica, pelo que o uso de um champô seco pode ser o mais indicado para absorver a humidade excessiva. Deixo-vos algumas opções de que gosto bastante.
Gliss champô seco cabelo tendência oleosa
 
É branco e deixa algum resíduo; mas se for bem aplicado é aquele que mais absorve a oleosidade sem deixar o cabelo áspero (de todos os que já experimentei).
Klorane champô seco aveia
 
Com um leve tom castanho, este champô seco é indicado para o couro cabeludo sensível.
 
Batiste champô seco castanho
 
Os champôs secos da Batiste são também muito bons e possuem cores para diversos tons de cabelo.
 
  • Mãos, corpo & Pés
 
A Akileine tem uma gama bastante alargada de ação desodorizante e anti-trasnpirante, sendo que este produto é especialmente interessante para usar com sabrinas e outros sapatos a usar sem meias.

Além de ingredientes de ação antitranspirante (4 formas de sais de alumínio), estas toalhitas possuem diversos ativos antimicrobianos e calmantes; melhorando a tolerância da pele.
Podem ser utlizadas em todo o corpo, sendo ideais para transportar.
Ducray Hidrosis Control creme anti-transpirante para mãos e pés
Outro produto muito prático para transportar, em forma de creme. Deixa a pele bem seca após a aplicação; e tal como os anti-transpirante intensivos, a sua aplicação pode ser espaçada após e que  1 semana de uso.

  • Rosto

Também não há produtos para esta zona específica. Contudo, algumas soluções para a absorção da oleosidade excessiva poderão ser interessantes nesta questão.

Kiko Refine Papers

Há outras marcas que os têm, mas estes são dos mais económicos que podem encontrar (espreitem a Essence ou a Catrice também). Estes papéis contém pó na sua superfíie, permitindo fixar a maquilhagem, mas também absorver o sebo e humidade da superfície da pele.

Sephora Set Powder
Mais um produto que provavelmente já têm em casa. O pó translúcido é mais usado para fixar maquilhagem, mas poderá ajudar também a reduzir a humidade da pele.
Youth Lab Check Matte
Outro produto matificante, agora em forma líquida e formato cushion. Além da ação absorvente, neste produto têm a vantagem de poder manter a pele matificada.
Tratamento médico
Nos casos em que o uso de cosméticos adaptados não resolve a hiperhidrose, poderá ser importante consultar um dermatologista ou até uma outra especialidade, caso haja outros sintomas envolvidos.
O médico poderá proceder à prescrição de medicamentos, injeção com botox, que dura alguns meses, iontoforese, ou cirurgia. Em alguns casos, estes procedimentos podem agravar a transpiração noutras zonas do corpo, pelo que todas as opções deverão ser discutidas e avaliadas com o especialista.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.